Assuntos

sexta-feira, 4 de março de 2016

JOGO 4933

PARTIDA NUM.: 4933
COMPETIÇÃO: Campeonato Baiano (Primeira Fase - Fase de Classificação)



JOGO: Bahia 4 X 0 Galícia (BA)
DATA: Quarta-feira, 09 de março de 2016
LOCAL:  Salvador-BA
ESTÁDIO: Arena Fonte Nova
JUIZ: Rafael Luís de Almeida Santos (BA)
AUXILIARES: Adailton José Jesus da Silva (BA) e Marcos Welb Rocha de Amorim (BA)
EXPULSÃO: 
C. AMARELO: Yuri, Éder e Paulo Roberto (Bah) e Léo Alves, Vitor, Minho e Gian (Gal)
RENDA: 
PÚBLICO: 
GOLS: Rômulo, Gustavo, Edigar Junior e Hayner (Bah)
BAHIA: Marcelo Lomba; Hayner, Gustavo, Éder e Yuri; Feijão; Paulo Roberto, Rômulo (Max), Cristiano, Edigar Junio (Felipinho); Jacó (Geovane Itinga)
TREINADOR: Dorival Guidoni Júnior (Doriva)
GALÍCIA: Robson Bahia; Amauri (Adílio), Léo Alves, Léo Breno e Marcos Messias; Vitor, Robinho, Reinaldo (Matiel) e Gian (Maurício); Chiquinho e Minho.
TREINADOR: Carlos Rabello

OBSERVAÇÃO: Quinto jogo do Bahia no Campeonato Baiano de 2016. Esta partida foi remarcada pela Federação Baiana no mesmo dia em horário diferente (às 19:30) da partida a ser realizada em Petrolina-PE entre o Bahia e a Juazeirense pela Copa do Nordeste. Vale lembrar que esta duplicidade do jogos na mesma data foi causada graças a tremenda confusão gerada pela infantil Diretoria do Tricolor Baiano, quando acertou o amistoso nos EUA com o Orlando City sem antes ter consultado a CBF.

Neste primeiro jogo dos dois previstos para a noite do dia (09/03), o tricolor entrou com o time principal e venceu a partida. Jogando na Arena Fonte Nova, o Bahia não teve dificuldades para golear o Galícia por 4 a 0, em jogo válido pela quarta rodada (adiada) do Campeonato Baiano. Os gols tricolores foram marcados por Rômulo, Gustavo, Edigar Junio e Hayner.

Com este o resultado, o Esquadrão de Aço chegou aos 15 pontos garantindo assim a liderança da primeira fase do estadual, e com isso, obteve a vantagem nas quartas de finais do certame.

O JOGO

Em um jogo marcado pela boa presença das mulheres, o Bahia comandado por Doriva, com alguns desfalques, buscava garantir a liderança na primeira fase do estadual diante de um Galícia que acabou sendo atrapalhado por um acidente de ônibus durante o caminho para Arena Fonte Nova.

Mesmo sem ter feito um aquecimento em virtude do atraso, foi o Galícia que chegou com velocidade primeiro. Depois de jogada de contra-ataque puxada por Chiquinho, Gian ficou com a bola, ajeitou, mas acabou concluindo muito mal de frente para o goleiro Marcelo Lomba aos nove minutos do primeiro tempo.

Aos 11 minutos o Bahia respondeu através do meia Rômulo. Pelo lado esquerdo ele recebeu bom passe de Edigar Junio e bateu firme na bola, esta bateu na defesa e o goleiro Robson Bahia encaixou tranquilizando a Defesa galiciana.

Aos 15 minutos, confirmando que está acostumado a roubar bolas no meio de campo, o volante Feijão do tricolor deu uma de atacante, quando pegou a sobra na meia lua da grande área e arriscou para o gol, mas a bola passou do lado da meta do goleiro granadeiro.

Finalmente aos 17 minutos a torcida do Esquadrão que foi nesta noite a Arena Fonte Nova comemorou o primeiro gol depois de uma grande jogada do Bahia. Paulo Roberto fez grande lançamento para Hayner. O lateral tricolor ajeitou, mirou e cruzou para Rômulo que vinha na corrida e finalizou de primeira para o fundo das redes granadeira. BAHIA 1 X 0.

Logo depois, aos 19 minutos, Paulo Roberto acertou outro lançamento para Jacó, este invadiu a área pela esquerda e chutou para a linha de fundo.

Aos 31 minutos da primeira etapa, o Bahia já demonstrava está melhor na partida, e aproveitando o erro do Galícia, teve mais uma chance com Edigar Junio, que arriscou de fora da área, mas viu a bola passar perto do gol.

Porém aos 38 minutos, sem muita dificuldade, o Esquadrão de Aço chegou ao seu segundo gol com o zagueiro Gustavo. Cristiano que havia recebido um passe fora da área, tocou por elevação para o defensor do Bahia, que completou para o gol. Este Foi o primeiro tento do experiente zagueiro com a camisa tricolor. BAHIA 2 X 0.

SEGUNDO TEMPO

Quem chegou ao ataque no início da segunda etapa foi o Galícia, quando aos três minutos o time granadeiro criou uma boa jogada e a bola sobrou para Minho. O atacante galiciano, no entanto, preferiu simular uma penalidade máxima. O árbitro que estava atento, resolveu então aplicar cartão amarelo no jogador.

Apesar do esforço do time do Galícia quem chegou ao gol foi o Bahia, quando aos seis minutos o meia Rômulo deu uma assistência primorosa para o atacante Edigar Junio, que usando o seu pé direito finalizou com tranquilidade para as redes granadeira, BAHIA 3 X 0.

Aos nove minutos, numa jogada sensacional o jovem atacante Jacó recebeu um bom passe, driblou dentro da área dois jogadores galicianos e infelizmente finalizou no travessão. Já aos 13 minutos, o jovem Cristiano também teve chance de marcar ao ficar em posição para chutar a bola de fora da área, mas finalizou sem força para uma fácil defesa do goleiro Robson Bahia do Galícia.

Finalmente depois de quase 60 minutos, o goleiro tricolor Marcelo Lomba teve que mostrar o seu trabalho. O jogador galiciano Amauri recebeu bom passe pelo lado direito, avançou e finalizou com a perna direita para uma grande defesa do arqueiro tricolor.

Entretanto o Galícia estava frágil na partida e aos 17 minutos viria sofrer mais um gol nesta segunda etapa. O volante Feijão teve boa visão de jogo e lançou o lateral Hayner pelo lado direito do campo. Este driblou a defesa galiciana e finalizou com o pé esquerdo para o gol granadeiro. Bahia 4 X 0.

Com a tranquilidade do resultado avantajado, o técnico Doriva resolveu promover as estreias do meia Felipinho e dos atacante Geovane Itinga e Max, que haviam disputados a Copa São Paulo de Futebol Júnior no início do ano. Além disso, os tricolores aproveitaram para trabalhar melhor a posse de bola.

Envolvido pelo Esquadrão, o Galícia até que tentava, mas sem qualquer efetividade. Aos 27 minutos, Minho arriscou de fora da área e viu a bola passar muito longe do gol. Aos 33, Adílio chutou de fora da área para a linha de fundo.

Aos 40 minutos, Cristiano cobrou falta para defesa fácil do goleiro Robson Bahia. Dois minutos depois, a tentativa foi de Matiel, que chutou com desvio, e o goleiro Lomba não teve nenhum problema para defender. Final BAHIA 4 X 0 Galícia.

VÍDEOS:

FOTOS:

Nenhum comentário:

Postar um comentário