Assuntos

domingo, 1 de maio de 2016

JOGO 4946

PARTIDA NUM.: 4946
COMPETIÇÃO: Copa do Brasil (Segunda Fase - Jogo de Ida)



JOGO: Bahia 0 X 0 América (MG)
DATA: Quarta-feira, 11 de maio de 2016
LOCAL:  Belo Horizonte-MG
ESTÁDIO: Arena Independência
JUIZ: Bruno Arleu de Araujo (CBF-RJ)
AUXILIARES: Luiz Claudio Regazone (Asp-FIFA-RJ) e Diogo Carvalho Silva (CBF-RJ)
EXPULSÃO: 
C. AMARELO: Osman (Amé)
RENDA: Não divulgada
PÚBLICO: Não divulgado
BAHIA: Marcelo Lomba;  Tinga, Lucas Fonseca (Robson), Éder e João Paulo Gomes;  Feijão, Paulo Roberto, Danilo Pires e Luisinho (Henrique);  Thiago Ribeiro e Zé Roberto (Gustavo Blanco).
TREINADOR: Dorival Guidoni Júnior (Doriva)
AMÉRICA: Fernando Leal;  Artur, Alison, Sueliton e Jonas (Tiago Luis);  Leandro Guerreiro, Claudinei e Danilo Barcelos;  Osman, Rafael Bastos (Sávio) e Victor Rangel (Borges).
TREINADOR: Givanildo Oliveira

OBSERVAÇÃO: Terceiro jogo do Bahia na Copa do Brasil de 2016. Desfalcado, o Bahia foi até Belo Horizonte-MG para enfrentar o América (MG) na Arena Independência pela segunda fase da Copa do Brasil, e apesar do time está modificado, o Tricolor teve chances de sair com o triunfo, mas desperdiçou oportunidades e ficou no empate sem gols com o Coelho mineiro, e assim com este resultado ao time baiano só interessa para partida de volta um triunfo, já que qualquer empate com gols daria a vaga ao América e um novo empate sem gols levaria a decisão para os pênaltis.

O JOGO

O duelo começou morno e o primeiro chute a gol só foi dado aos 15 minutos pelo zagueiro tricolor Éder. Porem a primeira boa chance foi dos donos da casa, quando aos 25 minutos, Osman arriscou da entrada da área, mas o goleiro Marcelo Lomba do Bahia fez a defesa.

Dez minutos depois, o Coelho mineiro sofreu a primeira baixa, pois Jonas se machucou sozinho e deu lugar a Tiago Luis.

Daí até o fim do primeiro tempo, só deu Bahia. Aos 41, Danilo Pires fez fila e rolou para Zé Roberto na área. O atacante chutou forte e acertou o travessão.

Já aos 45, o atacante perdeu sozinho. Zé Roberto recebeu cruzamento debaixo da trave, mas se atrapalhou todo e desperdiçou uma chance clara de abrir o placar.

SEGUNDO TEMPO

No segundo tempo, o Bahia teve uma boa chance logo aos 13 minutos. Luisinho recebeu na área, chutou no gol, mas a bola desviou na zaga.

Aos 28, o Tricolor teve a melhor chance da partida. Danilo Pires deixou Gustavo Blanco livre, o volante entrou na área só, tentou colocar e chutou pela rede do lado de fora.

A resposta do Coelho veio aos 38, Danilo cobrou falta mas acertou o travessão do gol tricolor, e assim terminou, AMÉRICA 0 X 0 BAHIA.

VÍDEOS:

FOTOS:

Nenhum comentário:

Postar um comentário