Assuntos

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

JOGO 4953

PARTIDA NUM.: 4953
COMPETIÇÃO: Campeonato Brasileiro da Série-B (Primeira Fase - Jogo de Ida)



JOGO: Bahia 3 X 0 Paysandu (PA)
DATA: Sexta-feira, 03 de junho de 2016
LOCAL: Salvador-BA
ESTÁDIO: Arena Fonte Nova
JUIZ: Francisco de Paula dos Santos Silva Neto (RS)
AUXILIARES: Maurício Coelho Silva Penna (RS) e Leirson Peng Martins (RS)
EXPULSÃO: Emerson (Pay)
C. AMARELO: Feijão (Bah) e Celsinho, Eduardo Ratinho, Emerson (Pay)
RENDA: R$ 136.368,50
PÚBLICO: 9.669 pagantes
GOLS: Danilo Pires, Hernane e Régis (Bah)
BAHIA: Marcelo Lomba; Hayner, Lucas Fonseca, Jackson e João Paulo; Feijão, Danilo Pires, Juninho e Renato Cajá (Régis); Edigar Júnio (Luisinho) e Hernane (Thiago Ribeiro).
TREINADOR: Dorival Guidoni Júnior (Doriva)
PAYSANDU: Emerson; Edson Ratinho, Domingues, Pablo e Lucas; Ricardo Capanema, Jhonnatan, Celsinho (Raphael Luz) e Rafael Costa (Marcão); Alexandro e Fabinho Alves (Wanderson).
TREINADOR: Dado Cavalcanti

OBSERVAÇÃO: Sexto jogo do Bahia no Campeonato Brasileiro da Série-B de 2016. Pressionado pela torcida depois dos dois jogos sem vitória, o Bahia acabou com o jejum na nao vencer o Paysandu, por 3 a 0, na Arena Fonte Nova, na abertura da sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O grande destaque foi o golaço de bicicleta anotado pelo meia Danilo Pires - Hernane e Régis, ambos de pênalti, também marcaram.

Ao fazer as pazes com a vitória, o Bahia chegou aos 11 pontos e foi dormir entre os primeiros colocados. A diferença para o líder Vasco da Gama, que entraria em campo no sábado, era de apenas dois pontos.

O JOGO

A partida começou bastante movimentada na Arena Fonte Noca. Logo aos três minutos, Renato Cajá cobrou falta, a bola desviou na barreira e quase enganou Emerson, que conseguiu voltar e fazer a defesa. Na sequência, o Paysandu criou a primeira grande chance. Cesinha tocou nas costas da defesa para Ricardo Capanema, mas Marcelo Lomba saiu fechando bem o ângulo e o volante teve que mandar para dentro da área. Rafael Costa chutou e Jackson salvou como peito. No rebote, Alexandro isolou.

O Papão se defendia bem e procurava explorar o contra ataque. Jhonnatan foi lançado por Celsinho e só não colocou a bola na rede porque Marcelo Lomba chegou antes. Na sequência, Cajá deu grande lançamento nas costas da defesa e Hernane Brocador, livre de marcação, desviou fraco, mandando nas mãos de Emerson. A resposta bicolor também veio pelo alto. Rafael Costa cobrou falta e Domingues cabeceou com perigo.

E, quando a torcida tricolor começava a pegar no pé dos jogadores, Danilo Pires marcou um golaço aos 35 minutos. Hayner cruzou, Lucas não conseguiu tirar e o volante acertou uma linda bicicleta, no cantinho de Emerson. Empolgado, Danilo Pires quase ampliou em chute de fora da área. No último lance do primeiro tempo, Rafael Costa finalizou e a bola passou raspando a trave de Lomba.

SEGUNDO TEMPO

O panorama do jogo não mudou no começo do segundo tempo. Mesmo tendo mais posse de bola, o Bahia encontrava dificuldades para furar a defesa do Paysandu, que, em alguns momentos, parecia satisfeito com a derrota pelo placar mínimo. Aos 14 minutos, Eduardo Ratinho cruzou na segunda trave e Alexandro, livre de marcação, cabeceou pela linha de fundo, desperdiçando uma chance incrível.

Na sequência, Rafael Costa soltou a bomba, a bola desviou no meio do caminho e Marcelo Lomba espalmou para dentro da área, mas a zaga tricolor aliviou o perigo. Quando o Paysandu era ligeiramente melhor, o Bahia ampliou aos 19. Régis recebeu de Hernane Brocador e, ao tentar passar por Emerson, foi derrubado. Como já tinha amarelo, o goleiro do Papão acabou sendo expulso pelo árbitro.

Hernane Brocador cobrou com direito a paradinha e ampliou. Aos 30, Domingues recuou para Marcão e quase o goleiro, que entrou no lugar de Emerson, perdeu a bola para Luisinho. Na sequência, Juninho bateu colocado de fora da área e Marcão espalmou para escanteio. No contra ataque, o Bahia perdeu uma chance incrível aos 35.

Thiago Ribeiro invadiu a área e tocou para Régis. Com o gol aberto, o meia finalizou de tornozelo e mandou pela linha de fundo. Depois foi a vez de Thiago Ribeiro desperdiçar boa oportunidade ao chutar em cima de Marcão. Aos 40 minutos, Luisinho tabelou com Régis e foi derrubado pelo goleiro. O estreante Régis bateu bem e ampliou.

VÍDEO:


FOTOS:


Nenhum comentário:

Postar um comentário