Assuntos

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

JOGO 4965

PARTIDA NUM.: 4965
COMPETIÇÃO: Campeonato Brasileiro da Série-B (Primeira Fase - Jogo de Ida)




JOGO: Bahia 0 X 1 Bragantino (SP)
DATA: Sábado, 30 de julho de 2016
LOCAL: Bragança Paulista-SP
ESTÁDIO: Nabi Abi Chedid
JUIZ: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
AUXILIARES: Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) e Eduardo de Souza Couto (RJ)
EXPULSÃO: 
C. AMARELO: Eduardo (Bah) e Tartá (Bra)
RENDA: R$ 15.680,00
PÚBLICO: 1254 pagantes
GOL: Rivaldo (Bra)
BAHIA: Muriel; Eduardo, Éder, Tiago e João Paulo (Régis); Feijão, Luiz Antônio, Juninho (Moisés) e Renato Cajá (João Paulo); Allano e Hernane.
TREINADOR: Guto Ferreira (Gordiola)
BRAGANTINO: Felipe; Alemão, Ednei, Éder Lima e Bruno Pacheco; Daniel Pereira, André Rocha, Erick e Tartá (Edson Sitta); Rafael Grampola (Eliandro) e Jobinho (Rivaldo).
TREINADOR: Marcelo Veiga

OBSERVAÇÃO: Décimo oitavo jogo do Bahia no Campeonato Brasileiro da Série-B de 2016. O Bragantino enfim deixou a zona de rebaixamento, e isso só foi possível graças a esta vitória para cima do Bahia pelo placar de 1 a 0, em partida realizada no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O único gol do duelo foi marcado por Rivaldo.

Com esse resultado o Bahia seguiu sem engrenar na competição, caindo para décima colocação com 24 pontos e longe do G4 do campeonato, enquanto o Bragantino pulou para a 16ª colocação, com 20 pontos.

O JOGO

Bahia e Bragantino concentraram as ações no meio de campo e, apesar do jogo movimentado, fez com que poucas chances de gol fossem criadas. A marcação do time da casa chamava a atenção, deixando Renato Cajá apagado. Quando o meia apareceu, o clube baiano ficou muito perto de marcar. Ele cobrou falta para Allano, que, sozinho, não conseguiu desviar para o gol.

Pelo lado do Bragantino, Grampola fez linda jogada pelos lados de campo e cruzou para Jobinho. O atacante chutou para grande defesa de Muriel. Na sobra, Grampola ainda cabeceou, mas também parou no goleiro baiano. Na zona de rebaixamento, o time paulista impôs muita dificuldade ao Bahia, que tinha a intenção de terminar a rodada dentro do G4.

SEGUNDO TEMPO

O Bahia voltou para o segundo tempo mais ligado e esboçou uma pressão para cima do Bragantino. Logo aos cinco minutos, Renato Cajá arriscou de fora da área para defesa de Felipe. Em mais um encontro entre os dois, na sequência, o goleiro levou a melhor novamente e espalmou o bom arremate do meia.

O Bragantino sentiu o abafa e começou a arriscar apenas em bola parada, mas foi daí que achou o gol. Aos 24 minutos, após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Rivaldo. O meia chutou sem chances para o goleiro Muriel, 1 a 0.

VÍDEO:


FOTOS:

Nenhum comentário:

Postar um comentário